Corpos de bombeiros do distrito de Leiria vão receber novas viaturas

Dezasseis corpos de bombeiros do distrito de Leiria vão receber viaturas novas, num investimento total de 2,3 milhões de euros, anunciou hoje o governador civil de Leiria.

O Governo Civil candidatou-se a uma dotação orçamental para a aquisição de veículos de socorro e combate a incêndios para os 25 corpos de bombeiros do distrito. O concurso abrangeu ainda os distritos de Aveiro, Castelo Branco, Coimbra, Guarda, Lisboa, Santarém e Viseu.

A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro atribuiu um apoio no total de nove milhões de euros, dos quais 2,3 milhões de euros foram para o distrito de Leiria.

O governador civil de Leiria, José Paiva de Carvalho, explicou que o distrito recebeu “a verba maior”, porque a distribuição foi feita de acordo com o número de corpos de bombeiros com que concorreu.

O apoio que a CCDR-C disponibiliza é de 70 por cento. Os restantes 30 por cento terão de ser suportados pelos corpos de bombeiros.

“Após uma reunião com todos os comandantes, todos garantiram que vão conseguir os 30 por cento para a aquisição da viatura”, adiantou o comandante distrital de Operações e Socorro de Leiria, José Manuel Moura.

O valor dos 30 por cento poderá ser conseguido através de protocolos com os municípios, por verba própria dos bombeiros ou por mecenas.

Aprovados os fundos financeiros, os corpos de bombeiros vão concorrer a partir do dia 1 de Fevereiro, de forma individual, à aquisição da viatura, que ficará propriedade dos corpos de bombeiros, ao contrário de concursos anteriores.

De acordo com a proposta do comandante distrital, tendo por base as necessidades prioritárias de cada corpo de bombeiro, o distrito receberá mais três veículos de combate a incêndios florestais, quatro veículos urbanos de combate a incêndios, dois veículos de socorro e assistência especial, três veículos ligeiros de combate a incêndio, um veículo de socorro e assistência táctico (desencarceramento) e três veículos tanque táctico urbano.

“Olhando para o parque de viaturas de todos os corpos de bombeiros, o nosso distrito está bem apetrechado, mas não é menos verdade que os bombeiros não deixaram de investir, mesmo sem concursos”, acrescentou José Manuel Moura.

O governador civil salientou a “rápida capacidade de resposta e o tempo médio de resposta” que os bombeiros do distrito têm garantido no socorro.

No âmbito do concurso do Quadro de Referência Estratégico Nacional, cinco corporações do distrito já foram contempladas com veículos.

 

Advertisements

Sobre factualidades
Noticias sobre temas e factos da actualidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: