Secundária de Pombal distinguiu “Receitas de Leitura”

O escritor Mário de Carvalho recebeu quinta-feira à tarde o prémio Marquês de Ouro atribuído pela Escola Secundária de Pombal, tendo agradecido o «momento de interesse pela literatura» e pelas suas obras.

Mário de Carvalho, que não escondeu a satisfação ao receber aquela distinção, salientou que «são momentos que ficam guardados na nossa memória» e destacou «a forma muito original como aquele prémio é apresentado, em formato de livro de receitas».

O Marquês de Ouro é uma iniciativa de um grupo de alunos e professores da Escola Secundária de Pombal, que tem como objetivos «fomentar o gosto pela leitura, promover atividades de escrita, desenvolver o espírito critico, incentivar a troca de opiniões/experiências e cultivar valores humanistas».

Para além do prémio atribuído a Mário de Carvalho, «Bolo de Morrer Longe» de Gonçalo Neves, aluno do 11º ano da escola foi considerada a melhor Receita de Leitura.

Já para o diretor da Escola Secundária de Pombal garante que aquela iniciativa «é para continuar»- «É uma boa prática da escola e uma forma de a projetar», refere Fernando Mota, salientando que se trata de um evento com «reconhecimento externo».

Os membros do júri – Joana Pimentel (11ºG), Tatiana Sousa (11ºG), Inês Sintra (12ºD) e Inês Carvalho (12ºD) e as professoras Hortênsia Pereira, Margarida Cardoso e Rosinda Pimentel, Coordenadora da Biblioteca Escolar, salientaram «a qualidade e a criatividade dos textos recebidos», tendo merecido a atenção os trabalhos «Tarte de Casca de Batata de Guernsey», de Helga Afonso (11º B), «Tarte de Emoções», de Margarida Simões (11º A) e «Tarte de Memórias à Madeirense», de Miguel Mendes (11º A).

Durante a conversa que manteve com os alunos presentes, Mário de Carvalho sublinhou a escrita como uma «ação humana que enriquece o mundo», já que a literatura «é muito a afirmação da humanidade».

O escritor da Caminho destacou, também, a responsabilidade que um escritor tem para com os seus leitores, referindo que «não vale a pena estarmos a escrever livrecos só para vender».

Por outro lado, referiu que «deve haver uma ética» que leve o escritor a não escrever sobre si, criticando os livros que «são autobiográficos».

Orlando Cardoso | Diário de Leiria | Diário de Coimbra

Sobre factualidades
Noticias sobre temas e factos da actualidade

One Response to Secundária de Pombal distinguiu “Receitas de Leitura”

  1. O MOVEL says:

    Parabéns à Escola Secundária Pela iniciativa.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: