Filarmonias reúne jovens músicos em Ansião para lhes abrir novos horizontes

filarmonias AnsiãoMotivar os jovens músicos, abrindo-lhes novos horizontes de conhecimento, no contacto com novos reportórios e novos métodos de ensino, é um dos objectivos do Curso de Jovens Músicos – Filarmonias – que está a decorrer, até sábado, em Ansião.

A iniciativa, promovida pela Sociedade Filarmónica Ansianense de Santa Cecília e que junta jovens entre os 12 e os 35 anos de idade, pretende, ainda, criar oportunidades de novas experiências individuais e colectivas, consolidando ao mesmo tempo as relações sociais entre eles. Por outro lado, pretende também projectar, nas bandas filarmónicas da região, o trabalho desenvolvido durante o curso, contribuindo para a melhoria qualitativa das mesmas.

Além do trabalho formativo intensivo, o Filarmonias, que já vai na sua terceira edição, engloba também um programa de animação paralelo, tendo como denominadores comuns a juventude e a música. Na primeira noite do curso, na terça-feira, apresentaram-se num bar da vila os “Marcos’Jag”, um colectivo composto essencialmente pelos alunos da classe de guitarras da Filarmónica Ansianense, da responsabilidade do professor Marcos Carvalho. Para ontem, estava prevista, num outro bar, a apresentação de um grupo coordenado por Vasco Agostinho.

Nos seus últimos três dias, o programa de animação do Filarmonias concentra-se no Centro Cultural de Ansião. Hoje, depois da peça “O País dos Decretos” o evento proporciona uma Jazz Jam Session na sala polivalente, tendo por cenário a exposição comemorativa dos 110 anos da Filarmónica Ansianense. Amanhã, Sexta-feira Santa, o mesmo espaço acolhe o regresso da Orquestra Ligeira de Ansião, com um repertório completamente renovado, e no sábado, na noite de encerramento, decorrem as apresentações finais e um concerto pela orquestra Filarmonias, integrando todos os alunos e professores envolvidos.

O Filarmonias tem como responsável pedagógico o 1º Sargento Simão Castela, sendo o restante quadro de formadores constituído por João Carvalheiro (Escola Superior Música de Lisboa) na classe de Clarinete, Artur Mendes (Escola Superior Música de Lisboa) na classe de Saxofones, Tatiana Rosa (Escola Superior Música de Lisboa) na Flauta Transversal, David Pereira (Conservatório da Sociedade Filarmónica Gualdim Pais) na classe de trompetes, Bruno Cruz (Departamento de Música da Universidade de Évora) na classe de Trompas, João Ribeiro (Escola Superior Música de Lisboa) na classe de Trombones, Jorge Évora (Escola Superior Música de Lisboa) na classe de Tubas e Daniel Bernardino (Conservatório de Música de Coimbra) será o formador de Percussão. Como novidade deste Filarmonias 2013, será também ministrado um Curso Livre de Jazz, para Guitarra, pelo formador Vasco Agostinho (Hot Club de Portugal).

O evento conta com os apoios do município de Ansião, do Agrupamento de Escolas de Ansião e de diversas empresas locais.

Anúncios

Sobre factualidades
Noticias sobre temas e factos da actualidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: