Marinha confirma morte de duas pessoas em naufrágio na Figueira da Foz

veleiroA Marinha confirmou hoje as mortes de um tripulante de um veleiro e de um elemento da Polícia Marítima, na sequência do naufrágio da embarcação “Meri Tuuli”, de bandeira alemã, junto à praia do Cabedelo, na Figueira da Foz.

De acordo com um comunicado da Marinha, o alerta foi dado às 17:58, através de um veleiro que se encontrava próximo do local, tendo a Capitania do Porto da Figueira da Foz assumido a coordenação da ação, “empenhando para esse efeito uma lancha e uma mota de água da estação salva-vidas da Figueira da Foz”, com o apoio de uma semirrígida da Polícia Marítima.

“No decorrer da ação de resgate e devido às condições de mar no local, a embarcação da Polícia Marítima acabou por virar, tendo os três elementos caído à água. Os cinco tripulantes do veleiro e os três agentes da Polícia Marítima foram resgatados da água havendo a lamentar o falecimento de um dos tripulantes e de um elemento da Polícia Marítima”, refere o mesmo comunicado.

A Marinha lamenta “profundamente este trágico acontecimento”, adiantando que “foram entretanto ativados os meios adequados ao acompanhamento e apoio à família do agente”.

Nesta operação estiveram ainda envolvidos a corveta João Roby, uma aeronave Kamov da Proteção Civil e os Bombeiros Voluntários da Figueira da Foz.

O diretor clínico do hospital distrital da Figueira da Foz, Adriano Rodrigues, informou ao final da tarde de hoje que duas pessoas morreram no naufrágio ocorrido hoje à tarde na praia do Cabedelo, naquela cidade.

De acordo com o clínico, entraram oito pessoas naquela unidade hospitalar: cinco tripulantes do veleiro, alemães, e ainda três elementos da Polícia Marítima.

As duas mortes confirmadas são um tripulante do veleiro, de 47 anos, e um elemento da Polícia Marítima, de 41 anos, disse a mesma fonte. A causa das mortes foi afogamento, referiu.

Dos outros quatro tripulantes do veleiro, dois estão feridos, com lesões traumáticas, e os outros dois apresentam sintomas de hipotermia, tal como os dois elementos da Polícia Marítima.

De acordo com estes dados revelados pelo hospital, não deverá haver já qualquer desaparecido no mar.

Anúncios

Sobre factualidades
Noticias sobre temas e factos da actualidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: