Secular Bodo das Castanhas junta “forças vivas” em Vermoil

CastanhasVermoil vai estar em festa este fim-de-semana ao promover o secular Bodo das Castanhas que, na opinião do autarca local, Ilídio da Mota, “se torna no principal evento da promoção da freguesia, da sua cultura, tradições e também a nível económico”. “Desta forma, contribui para nos dar a conhecer e a promover junto de outras comunidades de uma forma muito interessante e importante”, realça.

Para além de ter as castanhas e os frutos secos como protagonistas, o evento promoverá, também, o artesanato, como a cestaria e tanoaria, numa conjugação com animação para confraternização entre todos os vermoilenses e os muitos forasteiros que se deslocam habitualmente à freguesia durantes os dias de festa. À tradicional feira e mercado, associa-se a vertente gastronómica com tasquinhas, a cargo das colectividades que mais se destacam na freguesia, como é o caso do Atlético Clube de Vermoil, Associação de Vizinhos e Amigos dos Matos da Ranha, Associação Desportiva da Ranha e Sociedade Filarmónica Vermoilense.

O programa tem início às 20:00 horas de hoje, sexta-feira, com a celebração de missa comunitária na Igreja Velha de Vermoil, seguindo-se a actuação da Sociedade Filarmónica Vermoilense. Amanhã, sábado, o destaque vai para o passeio de veículos clássicos motorizados por terras de João de Barros, enquanto no domingo terá lugar um passeio BTT e uma tarde de folclore. Durante os três dias de festas decorrerá uma concentração de caravanistas oriundos um pouco de todo o país.

Ilídio Manuel da Mota espera que o Bodo das Castanhas seja “um sucesso para todos, que sejamos visitados por milhares de pessoas, como sempre, que as saibamos receber ao melhor nível e que apreciem a nossa gastronomia nas nossas tasquinhas, vão sair deliciados e estarão a ajudar colectividades que muito fazem pela nossa cultura, pelos nossos jovens e pela nossa terra”.

Para o autarca, trata-se de um Bodo que “envolve grande parte das forças vivas da freguesia, envolve muita gente, além de ser uma tradição secular que tem muitos entusiastas não só no concelho de Pombal, mas também nos concelhos vizinhos”, refere. Trata-se de um “evento muito visitado e muito falado, o que se torna no principal evento da promoção da nossa freguesia, da nossa cultura, tradições e também a nível económico”, diz, adiantando que “desta forma, contribui para nos dar a conhecer e a promover junto de outras comunidades de uma forma muito interessante e importante”.

Hoje em dia a secular Feira de Frutos Secos é muito diferente da tradicional. “Foi enriquecida década após década, com diversas actividades, já que muitos são os feirantes, produtores e comerciantes que aproveitam a feira para promover todo o tipo de produtos”, refere o autarca, adiantando que a feira foi enriquecida, também, “com toda a vertente cultural e recreativa, promovida pela junta de freguesia e pelas principais associações da freguesia de Vermoil, com diversas actividades e com a nossa gastronomia, aprimorada e representada nas tasquinhas”.

Com um orçamento a rondar os dez mil euros, emagrecido relativamente a anos anteriores, o Bodo das Castanhas de 2013 “segue na linha dos anos anteriores”, segundo refere o autarca, destacando um “programa que dá brilho à feira, às tasquinhas, que procura engrandecer o trabalho das associações”. “É um programa popular, ao agrado de todos os que nos visitam”, realça.

Anúncios

Sobre factualidades
Noticias sobre temas e factos da actualidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: