Clínica Particular de Coimbra alcança sete mil clientes no primeiro ano de atividade

Clínica Particular de CoimbraCom apenas um ano de actividade em Portugal, a Clínica Particular de Coimbra fidelizou mais de sete mil clientes e realizou mais de 15 mil procedimentos médicos e cirúrgicos. A mais recente unidade hospitalar da zona Centro é já considerada uma referência de qualidade no sector privado da Saúde, contando com uma equipa de 220 profissionais com larga experiência hospitalar, incluindo o corpo clínico.

 

A instituição apresenta um dos melhores blocos operatórios do país, inserido num edifício planeado e construído com base num investimento superior a 19,5 milhões de euros que se traduzem em equipamentos inovadores e certificações que regem este setor de actividade. A arquitectura do edifício apresenta uma área de 8.500 m2, incluindo 4.000 m2 para estacionamento e 1.000 m2 de espaços verdes.

Para 2014, a Clínica Particular de Coimbra pretende consolidar o projecto, através da criação de novas unidades, nomeadamente a Unidade da Cabeça e Pescoço, a Unidade de Patologia Digestiva e a Unidade dos Tecidos Moles. O aumento do número de cirurgias, materializado através da agregação de mais médicos ao projecto e do protocolo com o Sistema Integrado de Gestão de Inscritos para Cirurgia (SIGIC) também fazem parte dos objectivos de crescimento da Clínica, que prevê duplicar a facturação no próximo ano.

“Desde o primeiro dia de actividade que a Clínica Particular de Coimbra criou um conceito diferenciado de Saúde que faltava em Portugal. A construção de um edifício de raiz que conjuga uma série de equipamentos inovadores e uma rede de infra-estruturas de qualidade superior, bem como o enfoque na individualidade de cada Cliente, mediante um tratamento personalizado, elevam a Clínica a um patamar superior no seio do sector da Saúde privado“ sublinha António Mota, administrador da Clínica Particular de Coimbra.

O turismo de Saúde é outra área de interesse para a Clínica Particular de Coimbra. A instituição tem recebido doentes oriundos de outros países, incluindo PALOP’s e os países do Norte da Europa. Esta realidade tem tendência a intensificar-se nos próximos meses, com a concretização de algumas parcerias que visam beneficiar de cuidados de Saúde além-fronteiras.

Anúncios

Sobre factualidades
Noticias sobre temas e factos da actualidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: