Ricardo Araújo quer todas entidades a dar resposta aos anseios dos jovens

Feira Juventude PombalRicardo Araújo, vogal do Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ), apelou ao envolvimento de todos os organismos, para “poder dar resposta aos anseios e objectivos dos jovens”, uma vez que estes “merecem resposta no presente que lhes permita preparar o futuro”. Aquele responsável presidiu, no sábado, à inauguração da Feira da Juventude de Pombal que durante dois dias as entidades que dirigem actividades especificamente vocacionadas para a juventude.

O vogal do IPDJ considerou “preocupante” a taxa de desemprego que “atingiu níveis históricos” junto dos jovens, uma vez que estes “são um sector da população particularmente vulnerável à crise e às dificuldades”. Contudo, Ricardo Araújo reconheceu que “há mais preocupações” relativas à juventude, como “ao nível da inclusão, ao acesso à saúde, ao acesso à formação, à oportunidade de ocupar os seus tempos livres, o acesso à cultura e ao desporto”.

Na sua opinião, é necessário “construir e implementar uma política pública de juventude que articule não só os organismos nacionais mas também os organismos da administração local, como as autarquias, e as diferentes respostas da sociedade civil”.

Ricardo Araújo aproveitou a ocasião para se referir ao novo programa Garantia Jovem, “agora à escala europeia, e onde o Estado português se compromete, em quatro meses, apresentar uma alternativa a todos os jovens que tenham saído do sistema de ensino ou de formação profissional ou que estejam em situação de desemprego”.

Antes, Diogo Mateus, presidente da Câmara Municipal, realçou o “esforço” que as entidades do concelho fazem, “acima de tudo a cooperação que conseguem desenvolver para que, em conjunto, possamos ir mais longe e fazer da melhor forma possível” as actividades “especificamente vocacionadas para a juventude”.

“Temos níveis muito significativos que permitem que mais de 70 por cento dos alunos que frequentam o ensino obrigatório possam ter, complementarmente e relativamente próximo da sua casa ou escola, locais alternativos onde se podem formar enquanto homens e mulheres”, seja no “desporto, na música ou na dança”, disse.

Durante dois dias, a Feira da Juventude, na sua quinta edição, atraiu a comunidade à zona desportiva para visitar, não só os diferentes expositores, mas também para assistir e participar em tertúlias, workshop, provas de basket, BMX, andebol, street basket, futsal, ténis, insufláveis, air bungee, game day, consolas, simuladores, música e dança, para além de espectáculos musicais e de dança, jogos tradicionais, xadrez gigante, entre outras.

Sobre factualidades
Noticias sobre temas e factos da actualidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: