Osso da Baleia iça bandeiras de praia Acessível e Azul

(foto arquivo)

(foto arquivo)

A praia do Osso da Baleia, única no concelho de Pombal, vai içar na terça-feira, 17 de Junho, a Bandeira Azul, galardão que lhe é atribuída há uma dezena de anos consecutiva, bem como a bandeira de Praia Acessível.

A cerimónia está agendada para as 11 horas em simultâneo com a realização de actividades de educação ambiental destinadas a crianças da zona Oeste do concelho. Após o içar das bandeiras serão entregues os certificados e lembranças no âmbito da actividade “mensagens de sensibilização ambiental”.

Aquela praia está situada em plena Mata Nacional do Urso, na freguesia de Carriço, e o seu nome tem origem no início do século XX devido ao aparecimento de um esqueleto de Baleia que, segundo testemunhos verbais, terá dado à costa naquele areal. É considerado como um local perfeito para quem gosta de grandes caminhadas, pesca desportiva, bodybord, surf, prática de voleibol de praia, bem como para quem aprecie a beleza natural de uma praia (dunas, flora e fauna).

A praia do Osso da Baleia recebeu o galardão “Praias Douradas”, em 1998. Um galardão que é atribuído a praias que apresentam valores singulares do ponto de vista geológico, florístico, faunístico, paisagístico ou patrimonial, com ambientes naturalizados e reduzido grau de infraestruturação.

Naquela estância balnear do concelho de Pombal foram efectuadas obras de requalificação ambiental, nomeadamente a implantação de apoios de praia e construção de passadiços, em madeira, utilizados como acesso pedonal à praia, de forma a preservar as dunas e a vegetação existente.

Desde 2004, a praia do Osso da Baleia é contemplada com o galardão “Bandeira Azul”, atribuído pela Associação Bandeira Azul da Europa. Recebe também o galardão “Praia Acessível”, desde 2005, por cumprir os requisitos da legislação em vigor, relativamente à acessibilidade para pessoas com mobilidade condicionada, nomeadamente: – Acesso pedonal e estacionamento ordenado, com lugares reservados para viaturas que transportam pessoas com mobilidade reduzida; – Acesso de nível ao areal e zona balnear; – Instalações sanitárias adaptadas e em local de fácil acesso; – Acesso ao serviço de primeiros socorros e ao bar, através de rampas; – Nadadores salvadores com formação específica; – Equipamentos anfíbios disponíveis para os utentes com mobilidade condicionada.

Sobre factualidades
Noticias sobre temas e factos da actualidade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: